Que uma entrevista de emprego é algo desafiador, todo mundo sabe. Mas se engana quem pensa que isso seja verdade apenas para os candidatos. Profissionais de RH inexperientes também podem ficar nervosos conduzindo suas primeiras entrevistas.

Afinal, há uma série de detalhes técnicos que se precisam considerar, e o entrevistador deve estar atento. Negligenciar uma etapa tão importante do ciclo de um funcionário pode custar caro para a empresa.

Mas não é necessário entrar em pânico. Seguindo as nossas dicas, qualquer entrevistador consegue conduzir uma entrevista com excelência. A seguir, confira 5 dicas fundamentais para realizar uma ótima entrevista de emprego e garantir os talentos da sua empresa.

Como conduzir uma excelente entrevista de emprego?

Conduzir uma entrevista de emprego é muito mais que coletar respostas de algumas perguntas. No entanto, isso não significa que o entrevistador deva ser um computador de linguagem corporal, captando cada movimento do candidato.

Com clareza do verdadeiro propósito de uma entrevista, toda a tensão do momento se dissipa. Fundamental é lembrar que o encontro visa a seleção do melhor candidato para ocupar determinada vaga no quadro de funcionários.

Assim, o desenvolvimento da conversa, que deve ser leve e agradável, revelará o que o time de recrutadores deve saber. Para isso, preparação é a chave. Com um bom roteiro da entrevista de emprego, as informações mais relevantes serão alcançadas, como:

  • aptidões do candidato;

  • fit cultural;

  • motivações e interesses;

  • competências comunicativas;

  • postura profissional, entre outros.

1. Estude a vaga e os candidatos

undefined

O primeiro passo para garantir uma condução perfeita da entrevista de emprego é estudar o que mais importa ao encontro. Assim, o entrevistador também deve estar ciente dos pormenores da vaga, como:

  • necessidades técnicas;

  • desafios particulares;

  • rotina de trabalho, etc.

Afinal, é indispensável ter em mente que o funcionário não deve atender a requisitos do entrevistador, mas da empresa. Por isso, se convier, vale a pena ter a presença de um responsável pelo setor da vaga.

Dessa forma, torna-se ainda mais seguro que a seleção seja exata e o profissional seja o melhor. Além disso, esse rigor já estabelece parâmetros antecipados para a seleção. Isso porque também é fundamental que o entrevistador analise bem o currículo do candidato.

Embora os currículos não sejam a base mais confiável para avaliação das competências de um funcionário, eles já oferecem dados relevantes. Com esse preparo, boa parte do desafio de conduzir uma entrevista de emprego já foi vencida.

2. Elabore as perguntas corretas

Tendo todas essas informações em mãos, é essencial elaborar as melhores perguntas ao candidato. É possível seguir um roteiro geral. Porém, perguntas específicas, com base no conhecimento da vaga e do currículo, podem ser decisivas na escolha do novo funcionário.

Sendo assim, procure fazer perguntas que evoquem informações pertinentes à seleção do candidato. Perguntas muito longas podem gerar respostas evasivas. Já perguntas curtas demais podem resultar em respostas superficiais e insuficientes.

Portanto, elabore questões objetivas mas abertas, que deem ao candidato espaço para expressar seu pensamento de maneira livre e criativa. Isso também é útil para avaliar suas habilidades de comunicação.

3. Mantenha um clima agradável

undefined

Na hora da conversa, procure garantir um clima agradável. A tensão de um costuma ser refletida em todos os participantes da entrevista de emprego. Então, escolha um local arejado, confortável e livre de distrações para conduzir a conversa.

Também não é necessário manter uma formalidade maçante. A descontração e a informalidade são bem-vindas, com o devido bom senso. Isso assegura o conforto de uma conversa amistosa e elimina o nervosismo por parte do entrevistado.

4. Tome nota da entrevista de emprego

Enquanto a entrevista é conduzida, é muito importante, para questões de avaliação posterior, tomar nota de detalhes relevantes. Para isso, você pode usar um caderno ou um computador para registrar pontos que mereçam ser recordados depois.

Esclareça para o candidato o que você está fazendo, enquanto anota, para assegurar o seu conforto. Afinal, não é muito agradável ter alguém escrevendo enquanto respondemos perguntas, e o candidato pode se sentir pressionado.

Portanto, não hesite em tranquilizar o entrevistado, deixando claro que as anotações cumprem a função de facilitar futuras avaliações, e que ele não precisa se sentir constrangido. Aliás, incentive-o a tomar suas próprias notas da entrevista!

5. Apresente o resultado da entrevista à sua equipe

Ao fim de uma entrevista de emprego, pode ser valioso se reunir rapidamente com a equipe responsável pela vaga. Caso haja mais pessoas envolvidas no recrutamento, uma reunião de 5 minutos talvez traga insights oportunos para as próximas entrevistas.

Procure apresentar os detalhes mais importantes da conversa e deixe que outras pessoas levantem pontos relevantes. Essa etapa pode ser considerada parte da preparação das entrevistas subsequentes, o que certamente otimiza a seleção do candidato ideal.

Como você pôde notar, uma entrevista de emprego é um desafio também para entrevistadores. Porém, com o devido preparo, é possível fazer deste um momento leve e agradável. Com a mente tranquila, o verdadeiro propósito de uma entrevista será atingido.

Agora que você sabe como conduzir uma entrevista de emprego, que tal selecionar os melhores candidatos diretamente da fonte? Então, teste gratuitamente a nossa plataforma e descubra um jeito simples e eficaz de encontrar as estrelas da sua empresa!